27 de março de 2017

A.N.G.F. Emite Comunicado Sobre a Assembleia Geral de 23 de Março de 2017

A Associação Nacional de Grupos de Forcados (A.N.G.F.) emitiu um comunicado a relatar o que se passou na Assembleia Geral da Associação que decorreu no passado dia 23 de Março de 2017.
Comunicado que passamos a reproduzir na íntegra.
----------------------------------------------------------
“Na Assembleia Geral da ANGF que se realizou na noite do dia 23 de março de 2017, nas instalações do Barrete Verde de Alcochete, compareceram 35 dos 37 Grupos Associados.

No início da mesma, foi solicitada junto dos associados, a autorização do antigo Cabo e Forcado do Grupo de Forcados Amadores do Barrete Verde de Alcochete, Sr. João Salvação, de expor o que tinha conhecimento sobre a tentativa do empresário, antigo Cabo e Forcado do Grupo de Forcados Amadores de Alcochete, Sr. João Pedro Bolota, sobre o pedido do pagamento deste último de uma determinada verba (15.000,00€) ao Grupo de Forcados Amadores de Turlock (não associados na ANGF) como contrapartida para estes serem contratados por aquele empresário, afirmando que era essa mesma situação que se passava com os que iriam pegar determinada corrida. Inclusive, o Sr. João Salvação telefonou para uma testemunha que terá ouvido a conversa em causa por esta ter sido colocada em alta voz e, dessa mesma forma, informou essa mesma testemunha que estava também em alta voz, tendo a testemunha confirmado a denúncia da situação em causa.

Da mesma forma, foi dada possibilidade ao empresário em causa de, após este ter conhecimento do que foi relatado a seu respeito, de apresentar a sua posição sobre a denúncia que lhe tinha sido feita, situação esta, negada pelo empresário que, jurou, não solicitar pagamentos como contrapartida para um Grupo de Forcados pegar para a sua empresa.

Considerando que, quando foi perguntado aos Grupos Associados na ANGF presentes na Assembleia Geral, se alguma vez o empresário Sr. João Pedro Bolota lhes tinha solicitado pagamento de algum valor como contrapartida para que estes pegassem para a sua empresa e, atendendo a que não se registou nenhuma resposta afirmativa, a situação não evoluiu da denúncia anteriormente referida.

No decorrer da AG foram tomadas as seguintes decisões:

1) Votação para entrada de novos Grupos, como pré-associados

A Direcção da ANGF apresentou junto da Assembleia Geral a seguinte proposta: Todos os 6 Grupos de Forcados que manifestaram a vontade de serem associados na ANGF, entrariam como pré-associados, por um período de 2 anos, sem terem de ser votados um a um.

Ouvidos os presentes na Assembleia Geral e, por unanimidade, estes decidiram que esta proposta deveria ser colocada a votação, tendo-se obtido o seguinte resultado:

Proposta da Direção da ANGF - RECUSADA com 21 votos contra 14 votos a favor

Após esta primeira votação, por unanimidade foi decidido ouvir, cabo a cabo dos Grupos que pretendiam ser associados na ANGF, para estes exporem as razões pelas quais desejam que os seus Grupos fossem associados na ANGF.

Finda a apresentação de cada um dos cabos presentes, foi feita a votação, Grupo a Grupo, tendo o resultado das mesmas ser o seguinte:

Grupo de Forcados Amadores de Bencatel - RECUSADA a sua entrada

23 votos contra - 12 votos a favor

Grupo de Forcados Amadores do Cartaxo - ACEITE a sua entrada

19 votos a favor - 16 votos contra

Grupo de Forcados Amadores de Cuba - RECUSADA a sua entrada

25 votos contra - 10 votos a favor

Grupo de Forcados Amadores dos Riachos - RECUSADA a sua entrada

26 votos contra - 9 votos a favor

Grupo de Forcados Amadores de Grândola

Não foi feita votação sobre a entrada deste Grupo para pré-associado pelo facto de um dos requisitos não ter sido validado.

Grupo de Forcados Amadores de Alenquer / Clube Taurino Alenquerense

Junto da ANGF foi apresentada, por carta, uma proposta para o Grupo de Forcados Amadores de Alenquer ser associado na ANGF.


No dia anterior da realização desta AG, foi recebida uma carta registada, a qual tinha como remetente identificado o Grupo de Forcados Amadores do Clube Taurino Alenquerense na qual, pelos motivos nela invocados, queriam retomar a atividade daquele Grupo de Forcados, automaticamente, na ANGF.

Foi perguntado a quem veio apresentar a exposição se pretendia que fosse feita votação para a entrada como pré-associado do Grupo de Forcados Amadores de Alenquer. Porém, pelo facto da pessoa em causa ter manifestado a posição firme de que fosse retomado o Grupo de Forcados Amadores do Clube Taurino Alenquerense na ANGF, essa situação foi explicada que não poderia acontecer, por a ANGF ter em sua posse uma acta datada de 20 de abril de 2015 na qual vinha informado que, após essa data, o Grupo de Forcados Amadores do Clube Taurino Alenquerense declinava qualquer tipo de responsabilidade nem compromisso na ANGF.

Assim sendo e, de acordo com o pretendido pela pessoa em causa, não se fez qualquer votação em nome do Grupo de Forcados Amadores de Alenquer.

2) Informações diversas

Após estas votações, os presentes foram informados de algumas formalidades que convém ter em atenção na temporada de 2017, como também sido falados de assuntos importantes relacionados com os Grupos de Forcados associados.

3) Contratos por enviar pelos Grupos de Forcados associados na ANGF

Atendendo ao facto de existirem ainda Grupos de Forcados que não enviaram para a ANGF os contratos das Temporadas de 2015 e 2016, se os mesmos não forem enviados para a ANGF até ao próximo dia 15 de abril de 2017, os Grupos que estiverem em falta serão, automaticamente, suspensos até regularizarem a situação por forma de se finalizarem as contas da ANGF.

4) Nova Assembleia Geral da ANGF

Para finais de maio de 2017 será efetuada nova Assembleia Geral para apresentação das contas e a eleição dos órgãos sociais.
Nada mais havendo para tratar, deu-se como finalizada a Assembleia Geral.”
Compartilhar:
Anterior Proxima Inicio

0 comentários:

Enviar um comentário

Scroll To Top